Adoro Karnak, mas nem sempre consigo entender as misturas de referências de algumas de suas músicas e a música Cala a boca, menina (do primeiro cd da banda, Karnak, de 1994) é um desses casos.

A música foi gravada pela primeira vez por Dorival Caymmi, mas não é de sua autoria. Aparentemente, trata-se de um canto tradicional de capoeira. A colagem psicodélica do Karnak começa com a leitura (de arrepiar os pelos do cu, como diria Almodovar) de um trecho de um poema de Álvaro de Campos (heterônimo de Fernando Pessoa) na voz de Antonio Abujamra. Segue com a participação vocal de Tom Zé quase explicando o que seria cabula (palavra mencionada na letra da música) e termina com a voz de Marisa Orth ao fundo em uma aparente briga conjugal, lembrando o vocal feminino enfurecido am algumas das músicas de Itamar Assumpção.

Desisti de colocar links para todas as referências da música (tem outras que não inclui aqui por não ter entendido). Fica apenas o som e que a curiosidade de cada um faça o resto do trabalho.

About this post

Date: 06 Dec 2017

Author: Leonardo Barichello

Tags:

música português vídeo


Related posts:
Matemática Multimídia e alguns filhos
Coltrane's sound


rss

Subscribe to my RSS:
barichello.coffee/rss