Artigo: Towards a experimental problem solving in mathematics using coding

11 Jan 2016 / Leonardo Barichello

Artigo: The movement towards a more experimental approach to problem solving in mathematics using coding (International Journal of Mathematical Education in Science and Technology)

Abstract: motivated by a problem proposed in a coding competition for secondary students, I will show on this paper how coding substantially changed the problem-solving process towards a more experimental approach.

Nesse texto, eu relato a experiência de discussão e resolução de um problema da Olimpíada Brasileira de Informática com um estudante do Ensino Fundamental.

Essa discussão me chamou a atenção pelo fato da nossa (minha e do aluno em questão) abordagem ao problema ter sido fortemente experimental e, eu sugiro, que isso se deveu ao fato de termos à disposição a possibilidade de criar códigos que pudessem testar as nossas hipóteses a medida que as criávamos. Assim, eu sugiro que o uso de programação pode trazer benefícios interessantes para o ensino de Matemática que vão além do desenvolvimento do pensamento computacional per si.

Uma experiência com KTurtle e probabilidade

16 Nov 2015 / Leonardo Barichello

O artigo Relato De Uma Experiência Com O Software KTurtle Na Simulação De Problemas Envolvendo Probabilidade relata uma série de aulas com alunos do Ensino Médio em que utilizamos o Kturtle para programar simuladores para problemas de probabilidade cuja interpretação, pelo menos à primeira vista, contraria a intuição.

Apesar de não ser um software muito conhecido, o Kturtle oferece um ambiente de programação baseado nos movimentos de uma tartaruga sobre uma tela plana. Mas além de permitir o desenho de padrões geométricos, o software também oferece quase todos os recursos de linguagens de programação convencionais, como condicionais, loop, variáveis e operações aritméticas. Com esses recursos, juntamente com o gerador de números aleatórios, é possível criar simuladores para experimentos aleatórios simples, como o lançamento de dados e moedas, ou mais sofisticados, como para o problema de Monty Hall.

No texto acima, eu apresento a experiência com o intuito de mostrar como programação de computadores pode ser utilizada no ensino de probabilidade e, reversamente, como probabilidade pode abrir portas para o ensino de programação de computadores.

Um ponto relacionado a essa série de aulas que não foi explorado no texto está relacionado com a credibilidade do computador como ferramenta para experimentação em matemática. Em breve postarei algo explicando melhor essa ideia, que talvez seja explorada em um artigo futuro.



1

Search

Tags

english português música poesia coffee Ireland mathematics education café music movie opinion duas versões two versions research methodology recipe política matemática opinião nottingham visualization linux food educação programação receita comida viagem arte educação matemática beer libreoffice amsterdam pesquisa free software video vídeo